Recortando por aí com Camila Borssoi

Oiee!

Eu tô amando essa conexão com o scrap de outros lugares! E você?!

Hoje, vamos conhecer um pouquinho mais sobre o scrap no Canadá com a Camila Borssoi! Foi com ela que dei meus primeiros passos no scrap e tô muito feliz de ela ser a entrevistada de hoje!


- Qual seu nome?

Camila Borssoi

- Qual sua idade?

35 anos

- Qual seu Instagram/Facebook/blog onde posta seus trabalhos?

O lugar onde vocês encontram minha galeria de trabalhos mais completa é aqui: https://www.scrapbook.com/myplace/index.php?mod=profiles&u=256891

- De onde você é?

Limeira - SP

- Onde mora atualmente e há quanto tempo?

Canadá, faz 3 anos. 

- Há quanto tempo faz scrap? Conte-nos um pouco sobre sua experiência nessa área (se já teve ou trabalhou em alguma loja, se já foi ou é designer de alguma marca, etc)

Eu faço scrap desde 2006. Já participei de muitos eventos e fui professora durante 5 anos, 4 deles na loja Estação do Scrap em Santa Catarina, o que eu adorava! O scrap me trouxe amigas que eu falo até hoje. Já fui designer de alguns sites de desafios e hoje eu sou designer e coordenadora do Scrap Entre Amigas, que tem desafios mensais com um time muito talentoso para inspirar a participação das pessoas nas nossas "brincadeiras".


- Qual a diferença do scrap feito no Brasil e onde você mora?

Aqui o pessoal não curte muito fazer álbuns grandes ou mesmo miniálbuns. Eles utilizam mais o material de scrapbook para fazer cartões ou uma prática artística, como no art journal.

- Qual a tendência por aí agora?

Tintas e carimbos. 

- Como são as lojas por aí? São focadas em materiais de scrap? Tem bastante opção? Existem materiais muito diferentes do que encontramos por aqui?

Aqui tem a grande rede Michaels que tem o básico. Depois tem uma loja que fica um pouco mais longe de casa que se chama Scrapbook Centrale e é muito completa. O que eu vejo é muita variedade de papéis, flores, cores de tintas e também na opção de carimbos e mixed media que é difícil encontrar no Brasil 

- Como são as aulas por aí? As lojas oferecem? Conte-nos um pouquinho sobre.

Eu não sei como funciona na Michaels, eu já vi uma vez que eles têm calendário de aulas de artesanato em geral. Na Scrapbook Centrale têm bastante cursos, principalmente de cartões ou de técnicas artísticas, por exemplo, como usar o gelli plate. As aulas tem temas, não são livres. As aulas de cartão incluem o material e você vai fazer o modelo igual ao anunciado pela loja. Às vezes eles trazem professoras internacionais muito talentosas, como Jane Davenport.

  - Sente falta de alguma coisa que tenha no Brasil e não tenha aí relacionada ao scrap?

Fita banana e minhas alunas! Adorava dar aula de scrapbook livre, conheci tanta gente bacana quando fiz isso. Guardo todas elas no meu coração! 

E aí, gostou do "Recortando por aí" de hoje? Quem você quer ver por aqui? Escreva nos comentários! Beijos,

Fernanda

59 visualizações1 comentário